sem assunto

*

Eu sinto falta de conversar coisas corriqueiras com a minha irmã, como se estivéssemos passeando pelo shopping Iguatemi e falando coisas da vida. Apesar da distância física que nos separa, ainda conseguimos conversar pelo telefone como conversaríamos pessoalmente. Eu agradeço aos céus por esses serviços de telefonemas baratotais!
E agora tenho também o Skype, para atormentar todos os meus amigos com a minha voz de instrutora de ioga sonolenta e minha risada de hiena descontrolada!
Estou pegando o hábito – europeu, eu acho – de ir às compras quase que diáriamente para buscar ingredientes para o jantar. Eu só cozinho uma vez por dia, apesar de ostentar na testa uma etiqueta com os dizeres Sou Uma Do Lar. Uma vez por semana recebo uma cesta de verduras e legumes orgânicos, fresquíssimos, locais, colhidos na frescura orvalhal da manhã. Lavados e ensacados, os legumes duram até duas semanas na geladeira. Mas preciso ir ao supermercado frequentemente para frutas, leite, pão, carne. É mais trabalho, mas a outra alternativa é fazer um estoque de pão de forma e ter o freezer cheio de carnes. Carne descongelada não é a mesma coisa. E nada supera uma baguete fresquinha… oh, well!
Splurging – vou ter a ajuda de um jardineiro, que vai me ajudar a controlar o matagal do quintal. Está uma vergonha! Ontem o rapaz veio fazer uma avaliação e começa a desbastar a selva na terça-feira.
Minha vida desorganizada, esqueci de r.s.v.p. para uma festa de casamento. Agora não sei se telefono para o noivo dizendo que vamos, ou se mando a resposta pelo correio no último minuto na maior cara-de-pau.
Hoje uma das pessoinhas mais fofas que eu conheco faz aniversário. Catarina, Catarina, com dois anos já manda e desmanda. Em breve irá dominar o mundo!

  • Share on:
Previous
Tiger!
Next
em Sac
  • Angelica, realmente haja disposicao pra fazer compras depois de um dia cheio. Isso so dah certo se o supermercado for no caminho de casa…
    Antonio, blogueiro tem que ter cara-de-pau, ainda bem que so precisa sewr virtual! 🙂
    Vlad, os kiloes sao uma maravilha. Aqui infelizmente eles nao existem…..
    beijao!

  • Ir ao mercado é muito difícil pra mim… Prefiro a fome total… Mas confesso que talvez seja um hábito saudável… Para mim, restaurante “por kilo” é a salvação. Abraços.

  • Muito bom o seu blog!!!! É muito difícil fazer-se conhecer um blog, eu criei também um blog, mas encontro dificuldades em “mostrá-lo” para um número maior de pessoas! Mas parece que isto virá com o tempo e evidentemente conteúdo do blog, por falar em conteúdo o seu é muito bom! Parabéns. De uma passadinha no meu e se não quiser comentar, diga Olá!
    http://antoniofnogueira.blogs.sapo.pt/

  • Eu tenho esse costume de fazer compras diariamente também. Mas simplesmente porque nunca tenho paciência pra perder um sábado no mercado lotado fazendo “compras do mês”. Mesmo quando isso acontece, sempre falta alguma coisa. 😉
    Só que esse hábito não funciona muito com quem trabalha o dia todo e não tem organização… Normalmente eu saio do trabalho e passo direto no mercado. O problema é quando a gente sai moooorta do trabalho, ou muito tarde, e aí só de pensar em passar no mercado, cozinhar, etc, já dá um desânimo… Resultado: cada vez cozinho menos e dá-lhe pedido de comida por telefone. Não gosto disso, eu gosto de comida feita em casa, mas nào tem jeito, ainda não consegui ser a mulher maravilha.

Deixe uma resposta para Angélica Cancelar resposta

o passado não condena