um déjà vu musical

*

Parece até que eu completei um ciclo e acabei exatamente onde comecei. Trabalhei ontem no mesmo exato show que trabalhei no ano passado. No mesmo dia, na mesma seção do teatro, um mesmo show sold out que tive que assistir de pé. Mas pra ver The Blind Boys of Alabama eu não me importo de ficar até de ponta cabeça. Pro repertório clássico/étnico/refinado do Mondavi Center, os cegos do Alabama cantando o Gospel é o mais próximo que se consegue chegar do Blues. Pra mim está ótimo. Mesmo não se podendo dançar, nem beber cerveja enquanto se dança de olhos fechados, em transe, cantando os refrões com os músicos, o show compensa. Foi o mesmo show que eles fizeram no ano passado, com a diferença de uma música ou outra e a ausência de um encore. Os cegos do Alabama são bem velhinhos e não deve ser fácil cantar e dançar [sim, eles dançam!] daquele jeito por mais de uma hora. Eu me contento com o que me é oferecido, porque pra mim ouvir Gospel ou Blues ao vivo vale qualquer sacrificio. E ficar em pé nem foi difícil, pois acabamos mesmo foi fazendo passinhos super discretos de dança, ali no fundo do teatro, onde ninguém poderia ver os voluntários se requebrando. Do you feel good?

  • Share on:
Previous
sai da frente!
Next
yes, i feel good!
  • Eu já ouvi falar dos Blind Boys, diz que deixam as pessoas emocionadas mesmo. Que bom você trabalhar ai nesse Mondavi Center, é um tipo de centro cultural? se a gente morasse mais perto, vc ia trabalhar comigo! hahaha
    tira uma duvida: essa foto ai acima, parece um quadro na frente da estante? e a foto é do Robert Johnson? muito parecido mesmo.
    Beijo viu querida?

Deixe uma resposta para BethS Cancelar resposta

o passado não condena