muita coisa pra dizer

*

Eu costumava ler umas pessoas que me inspiravam. Umas sumiram, outras ficaram chatas pra carvalho. Vocês sabem, eu não gosto de ler pra ficar refletindo, discutindo, analisando. Eu gosto de ler pra dar risada, me entreter e relaxar.
Quando eu fico cansada, eu choro. Fui trabalhar num show no Mondavi Center na quarta-feira. Meio da semana, já caí na real que não vai dar. Era um grupo de dança indiano, que tocava uma músca hipnótica e cinco bailarinas faziam barulhinho de guizo enquanto davam passinhos no palco. Eram danças sagradas dos templos e uma história de amor entre Krishna e Lakshmi. A primeira parte foi interessante e divertida, mas a segunda foi de lascar a lenha. Comecei a ficar tremendamente cansada e irritada, com vontade de chorar e sair gritando “chega! chega! chega!” pelos corredores do teatro. Eu batia o pé impaciente e uma das voluntárias sentadas ao me lado colocou a mão delicadamente no meu braço, como quem diz “paciência, pacência, já está terminando”. Cheguei em casa delirando de cansaço e irritação, chorei no chuveiro, não vai dar mais. Tenho que trabalhar somente em shows de finais de semana. Ponto final.
Abriu uma Ikea aqui perto, em West Sacramento. Tinha gente acampando na porta há mais de um mês, pra ganhar os prêmios que a loja oferece para os primeiros da fila. Imaginem a rebordosa. Eu quero ir lá, mas vou esperar passar um tempinho. Agora não precisaremos mais ter inveja do povo da Bay Area, com suas casinhas frugalmente mobiliada, nem viajar uma hora pra comprar nossas coisinhas bonitinhas e baratinhas!
Outro dia passei parte do dia trabalhando de casaco. Não sei o que me deu, mas senti um frio descomunal. Pedi desculpas pela situação. Fui à uma reunião com a assessora de imprensa e a gerente geral do projeto vestindo um casacão. O diretor passou por mim e disse rindo – não se preocupe, você tem todo o direito de sentir frio, você é brasileira.

  • Share on:
Previous
uma imagem vale por mil palavras
Next
preste atenção, e não se engane
  • Hohohoho!
    Certíssimo.
    Me diga se eu tô assim chata que eu mudo imediatamente … só dê uma licença pras minhas poesias, que ninguém aguenta mas eu adoro, sacumé, né?
    Beijos
    Hahaha

  • jisuis, pensei que era só eu também. quando tô muito cansada só quero banho e cama, e quero já. me dá uma agonia, uma frustração, uma impaciência e começo a chorar… esgotamento total.
    e aí, descansou o bastante durante o fim-de-semana? espero que sim 🙂

  • AAhh.. entao nao e’ so’ italiano que adora ir a IKEA comprar movel barato!! Estao reformando uma das IKEAs que tem aqui em Milao e sera’ a maior IKEA da Italia… a loja era ja’ grande, agora ficara’ enorme! 😛
    No site da IKEA nao diz que tem uma loja deles no Brasil, mas eu tenho duas amigas (que nao se conhecem) que dizem que existe uma loja pequena da IKEA em Sao Paulo… boh, misterios da vida… pra mim elas se estao confundindo com a Tok & Stok…

  • Olha só, pensei que era só eu (risos) Eu também fico deprimidissima quando estou cansada e abro o berreiro quando a coisa chega no limite. 🙂 Beijo.

  • A pior parte de ler blog de quem mora em outros países é quando começam a falar da ikea… dá uma inveja que você nem imagina!!! Acho que até mais inveja do que ler sobre o frio. hahaha 😀
    beijos

  • Fer, nós também estamos esperando um tempo antes de ir à Ikea, para não pegar a loja super lotada em época de inauguração. Precisamos desesperadamente de uma cômoda (dresser).

Deixe uma resposta para Angélica Cancelar resposta

o passado não condena