nem vimos passar os anos

*
roux_above_1s.jpg roux_above_2s.jpg

Fui consultar os arquivos do blog—viu como é bom ter blog? Porque eu tinha quase certeza que o Roux tinha chegado aqui em casa num final de julho. E foi mesmo. Ele chegou no dia 23 de julho de 2004, era uma magreleza só. Hoje, quem te viu, quem te vê! A criatura é robusta, com uma pança de fazer inveja. E continua tentando ser amigo do gato Misty, que não quer, nem nunca quis, ter nenhum tipo relacionamento com ele. Mas o que teria sido de nós sem esses quatro anos de convivência com o Roux, suas estrepolias, suas caras engraçadas, sua maneira carinhosa de conversar com os humanos? Eu adoro ter ele aqui. E já são quatro anos. Realmente, nossa casa ficou mais feliz e animada depois que ele chegou.

  • Share on:
Previous
trying to
Next
com a língua de fora

deixe um comentário

o passado não condena