só espero que nunca seja

*

Quando aconteceu Columbine, meu filho era um high school senior, e ficamos nos perguntando nervosamente—e se tivesse sido aqui? e se tivesse sido aqui?
Quando eu li sobre Virginia Tech, me deu um nervoso imenso, pois meu filho, minha nora, meu marido e eu, estamos dentro de uma universidade americana. É pra ficar pensando nervosamente—e se tivesse sido aqui? e se tivesse sido aqui?

  • Share on:
Previous
A inveja é uma Imelda
Next
Heavy rain in California
  • Como é terrível esse mundo violentos desses tempos, ne… cada lugar uma violência: aqui é uma insegurança diária, aí são fatos isolados mas terrivelmente chocantes. Em outros lugares do mundo também. Queria tanto que a paz voltasse à moda….
    Bjs
    A

  • Foi em você a primeira pessoa que me veio a cabeça quando escutei na televisão. Por você estar trabalhando numa universidade.
    Por que esses incidentes acontecem tão seguidamente nos Estados Unidos??????
    beijos

  • Não vai acontecer ai, deus é pai…
    Hoje no Rio foram assassinadas 19 pessoas de uma vez – mas eram policia e traficantes, quem fala sobre isso?
    O mundo tá apodrecendo…
    Beijo querida, saudades de você.

  • Na época dos ataques do PCC em São Paulo estávamos passeando na aprazível região vinícola de Bento Gonçalves (RS) e conversando com um casal de idosos que sempre moraram entre calmas parreiras da região fui abençoado pela gentil velhinha com as palavras: Meu filho, toma cuidado, sai de lá vem morar aqui. Dei um amável beijo em sua testa e falei que tomava cuidado, mas que por alguma razão aquele era meu lugar e se algo tivesse que acontecer comigo seria em qualquer lugar. Em vez de estar na hora errada no lugar errado prefiro dizer que vivo no lugar certo na hora certa. Sem neuras Fer. Sem Neuras. Beijão Almir.

  • Fer, que coisa de louco isso. E o mais incrível é que acontece com uma certa frequência aí nos EUA, né? Posso estar falando besteira, mas fico chocada com esse culto às armas que os americanos têm. Não é estranho isso?
    Beijos. Fique bem.

  • Fer, querida, é muito bom saber que não foi aí, apesar de infelizmente ter acontecido de novo em outro lugar. É uma coisa que choca e que nos deixa preocupados, uma vez que conhecemos pessoas e gostamos delas e que estão mais perto do ocorrido, do que nós.
    Mas fico feliz de saber que estão todos bem. Esse mundo está totalmente maluco.
    Saudades enormes,fiquem com Deus.
    beijos,

  • Muito triste, muito triste mesmo!! Mas agradeça, querida, de não morar no Brasil nestes dias que sair de casa tem sido o mesmo que se transformar em um alvo ambulante…
    Abraço.

Deixe uma resposta para vera Cancelar resposta

o passado não condena